terça-feira, fevereiro 20, 2007


pro arthur bispo do rosário


passarei meus homens em revista
lado a lado
incansavelmente
até libertar esta horda
daqui de dentro de mim

8 comentários:

Ana disse...

este eu queria que fosse meu! me vi no teu poema agora...
gostaria de publicar na minha casa da nina, se você deixasse. deixa? só posso mudar a imagem? imaginei outra vista pra ele.

Ana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jofre Alves disse...

Passarei sempre por aqui com gosto, para apreciar esta qualidade e sensibilidade. Óptimo fim-de-semana.

Anônimo disse...

Marchando
Rumam ao abismo inventado
Para despertos do pesadelo
Suarem frio na escuridão

Valéria disse...

a liberdade.... esta força que atua e faz atuar...
seus escritos têm uma profundidade que eu admiro demais...vc sabe..
um beijo

Conceição Bernardino disse...

Olá,
“ Somos a ponte para a eternidade,
Formando um arco sobre o mar,
Procurando aventuras para nosso regozijo,
Vivendo mistérios, optando por calamidades,
Triunfos, desafios, apostas impossíveis,
Pondo-nos à prova uma e outra vez,
Aprendendo amar.”
Excerto de “Richard Bach”

É com esta força que renasço todos os dias, para continuar a minha caminhada...
Espero que gostem deste pequeno presente.
Beijinhos, que a escrita nos una!
Conceição Bernardino
25-02-07
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Cristiano Contreiras disse...

Liberta o absurdo em si?

Minu disse...

vou fazer isso com minhas mulheres..... Minuciosa

não permita a publicaçao só dos bonitos, publique os feios. Faz parte. Assim, poderemos te ver dos dois lados, pois deves ser inteiro belo.