segunda-feira, janeiro 24, 2011


todo anjo é voraz
carrega a amargura de ser incompreendido
porque nem deus nem homem nem infância
todo anjo é insano...

forjadores de sonhos
reconhecem na fé um corte profundo
que não dói que não sangra só esperança
todo anjo é insone...

3 comentários:

Tod(as) palavras disse...

todo anjo insone...na vigília da falta de esperança dessas águas que não cessam. meu abraço, Douglas.

dani carrara disse...

nossa que imagem.. de rasgar o olho

CeciLia disse...

Todo anjo é instante, também, Douglas. Instância divina, cosmo, corte, coragem.
Todo anjo, poesia. Como a tua.

Bom te ler. Sempre. Beijo,